A noite

A noite

“A noite é como um olhar longo e claro de mulher. Sinto-me só. Em todas as coisas que me rodeiam, há um desconhecimento completo da minha infelicidade. A noite alta me espia pela janela, e eu, desamparado de tudo, desamparado de mim próprio, olho as coisas em torno com um desconhecimento completo das coisas que me rodeiam. Vago em mim mesmo, sozinho, perdido. Tudo é deserto, minha alma é vazia.” — ((Vinicius de Moraes.))

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s